Logo Hospital Estadual Mario Covas
brasão governo do estado de são paulo

Em atendimento à legislação eleitoral (Lei nº 9.504/1997), os demais conteúdos desse site ficarão indisponíveis de 5 de julho de 2018 até o final da eleição estadual em São Paulo.

Guia do Paciente

•  Internação
  • As internações eletivas - programadas - visam aos pacientes que realizam acompanhamento ambulatorial na especialidade em questão, e são direcionadas pelas equipes médicas;
  • As internações de emergência são encaminhadas pelo CRUE (Central de Regulação de Urgências e Emergências) solicitadas pelos hospitais onde o paciente encontra-se internado, que busca a vaga;
  • A alimentação é fornecida pelo hospital mediante prescrição médica e dietética, esta última feita pela nutricionista. O serviço de nutrição do Hospital avalia e acompanha todos os pacientes. Aproveite o contato e exponha suas dúvidas;
  • É terminantemente proibido entrar nos quartos com alimentos - biscoitos, doces, balas, sanduíches, salgados, etc;
  • É permitido ao paciente trazer produtos de higiene pessoal, roupas íntimas, lentes corretivas e próteses.


•  Horário de refeição dos pacientes internados
  • Desjejum: das 7h30 às 8h30;
  • Colação (refeição rápida): 10h (só para aqueles com prescrição);
  • Suco/mamadeira: 10h (somente para bebês);
  • Almoço: das 11h30 às 12h30;
  • Merenda: 15h;
  • Jantar: das 17h30 às 18h30;
  • Ceia:
  • Ceia para diabéticos: 23h


•  Enfermagem
  • A equipe de enfermagem do Hospital Estadual Mário Covas é composta de enfermeiros, técnicos, auxiliares de enfermagem e pessoal administrativo. Todos têm competência técnica e conhecimento para uma assistência humanizada e segura. A enfermagem trabalha com a Sistematização de Assistência de Enfermagem - SAE, que favorece o cuidado individualizado e globalizado do paciente. Em todas as unidades há um enfermeiro responsável pelo plantão, que acompanha os cuidados de enfermagem, a evolução dos pacientes e supervisiona o trabalho de equipe. Em caso de dúvida, solicite sua presença e esclarecimento.


•  Alta Hospitalar
  • Na ocasião da alta hospitalar, o paciente receberá seu resumo de alta, exames de imagem e receita médica. Será orientado pelo enfermeiro quanto aos cuidados: pós-alta, medicação e retorno (quando necessário).


•  Conforto espiritual
  • O Hospital oferece conforto espiritual com espaço localizado no 5º andar.


•  Visitantes
  • Cada paciente poderá receber até 06 (seis) visitantes (com revezamento), durante o período de visitas das respectivas Unidades de Internação.
  • Caso haja a entrada de crianças, as mesmas serão consideradas como 1 (um) visitante. O acompanhante deverá levar a criança da portaria de entrada ao leito e vice-versa.


•  Identificação
  • O uso da etiqueta de identificação entregue na portaria é obrigatório nas dependências internas do Hospital.


•  Normas de refeição para acompanhantes
  • Terá direito a 01 (uma) refeição o acompanhante que permanecer no hospital por 6 horas, acompanhando:

                √  idosos a partir de 60 anos;

                √  crianças;

                √  adolescentes até 17 anos, 11 meses e 29 dias;

                √  pessoas portadoras de necessidades especiais.

  • Terá direito de receber desjejum, almoço, merenda e jantar, a mãe de bebê internado na UTI Neonatal, desde que permaneça no Hospital acompanhando e amamentando seu bebê. 
  • Importante:
  • As refeições serão servidas no refeitório, localizado no 2º andar, preferencialmente das 11h00 às 11h30 (Almoço) e das 18h30 às 20h00 (Jantar).


•  Estacionamento
  • O Hospital conta com um serviço de estacionamento opcional, operado por empresa terceirizada e independente. Desta forma, em hipótese alguma o Hospital assumirá a responsabilidade por danos a veículos ou por objetos e valores deixados no interior dos mesmos.


•  Lanchonete
  • O Hospital conta com um serviço de lanchonete, o "Boulevard Café", opcional, operado por empresa privada e independente. Localiza-se no 3º andar e atende a pacientes, visitantes e acompanhantes, assim como a todos os colaboradores.


•  Lixo e seu descarte
  • O Hospital possui sistema seletivo de coleta de lixo. Porém, o lixo produzido pelos pacientes e familiares (restos alimentares, papéis, embalagens, etc...) deve ser descartado nas lixeiras com saco preto (resíduo comum).


•  Fumantes
  • É proibido fumar dentro das instalações do Hospital como também nas proximidades das entradas, respeitando a Lei Federal nº 9294/96 e a Lei Municipal nº 9.120-10/80.


•  Sala de espera para acompanhantes (Pacientes no Centro Cirúrgico)
  • O Hospital dispõe de uma sala de espera para acompanhantes de pacientes que se encontram em procedimento cirúrgico. Está localizada no 5º andar, próximo ao Centro Cirúrgico.


•  Utilização dos elevadores
  • O Hospital possui 5 elevadores - numerados de 1 a 5;
  • Os elevadores de número 1 e 2 são de uso exclusivo de funcionários do Hospital para transporte de material;
  • Os elevadores de número 3, 4 e 5 são de uso geral, permitidos a todos que se encontrem no Hospital, mas a prioridade de utilização é sempre do paciente (de maca ou cadeira de rodas).


•  Enxoval

Relacionamos abaixo alguns itens que deverão ser trazidos pelo paciente no momento de sua internação:

  • Chinelos;
  • Creme dental;
  • Desodorante;
  • Escova de dentes;
  • Pente;
  • Roupas íntimas;
  • Sabonete;
  • Xampu;
  • Roupas para o recém-nascido (nos casos de maternidade).


•  Transporte em ambulância
  • O Hospital não dispõe de ambulância para transporte de pacientes de alta hospitalar. Caso o paciente necessite de remoção por ambulância, será solicitado ao município de residência do mesmo.


•  Objetos de uso pessoal / Valor
  • Recomenda-se que todos os objetos de uso pessoal e/ou de valor do paciente, como jóias, relógios, celulares, etc..., sejam deixados em casa ou entregues aos seus acompanhantes.
  • No caso de esquecimeto de pertences após alta hospitar, os mesmos serão encaminhados ao departamento de Segurança Patrimonial e ficarão guardados por três meses. Após este período, os mesmos serão doados a instituições beneficentes.


•  Utilização de aparelho de TV
  • Como o Hospital possui somente enfermarias, é permitida a entrada de apenas um aparelho de televisão por quarto. A prioridade será sempre do paciente há mais tempo internado.


•  Silêncio
  • Para conforto, comodidade e tranqüilidade do paciente, e melhor assistência por parte dos profissionais, o silêncio é um grande aliado. Por favor, colabore.