Ação destaca importância

da prevenção no Dia Mundial de Luta Contra a AIDS

 

No dia Mundial da Luta Contra AIDS, 1º de dezembro, médicos infectologistas do Hospital Estadual Mário Covas se uniram para promover ação especial na área de ambulatórios, local que registra movimentação de centenas de pessoas a cada período. O Coordenador da equipe de Infectologia, Dr. Guilherme Spaziani, explicou que a iniciativa teve como objetivo esclarecer dúvidas, fazer testes e informar sobre a prevenção à doença.

Outra preocupação da equipe de Infectologista é com o momento de pandemia, no qual o foco está de todos sobre a Covid-19 mas outras doenças, como a AIDS, estão presentes e registrando vítimas. O Dia Mundial de Luta Contra a AIDS é mais um alerta para a população que não deve se descuidar. Durante a ação no HEMC, realizada das 9h às 16h, e aberta a todos os interessados, foram atendidas 30 pessoas e feitas testagens por duas funcionárias habilitadas da disciplina de Infectologia da Faculdade de Medicina ABC. Os testes rápidos foram para sífilis, hepatite B e C e HIV com material cedido pela Secretaria de Saúde de Santo André. Os casos positivos foram encaminhados para consulta e tratamento.   

No período da tarde, a equipe recebeu a visita do novo diretor geral do Hospital, Dr. Adilson Cavalcante, especialista em infectologia, que acompanhou de perto o trabalho voluntário dos médicos e os cumprimentou pela iniciativa.     

Infecção no Brasil

O “Dezembro Vermelho” chama atenção para a doença infecciosa, transmitida pelo vírus HIV, a AIDS, que segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado, do Ministério da Saúde e Programa Conjunto das Nações Unidas, infecta uma pessoa a cada 15 minutos do Brasil e causa a morte de  sete pessoas por dia em São Paulo, realidade que exige atenção de todos em manter os procedimentos preventivos. 

Equipe de epidemiologia.jpg

Equipe de infectologistas do Hospital 

 esclarece dúvidas da população